Presidente da CEI destaca investigação

 

O vereador Alex Meglorini Mineli (SDD), que presidiu os trabalhos da Comissão Especial de Inquérito falou à Gazeta de Vargem Grande sobre como foi o desenvolvimento da investigação, uma avaliação sobre o posicionamento do prefeito Celso Itaroti (PTB) e o que será feito com o relatório final. Leia a entrevista:

Gazeta: De acordo com o relatório lido em Plenário, o prefeito Celso Itaroti (PTB) buscou relatar que o processo licitatório seguiu conforme a lei e que a CEI se tratava de perseguição política. O que o senhor avalia desse posicionamento?
Alex Mineli (SDD): Na verdade a estratégia de defesa do prefeito municipal não foi acertada, uma vez que se ateve a fatos que em nada ajudaria na solução da investigação. Contudo, independente das alegações do prefeito, os trabalhos da CEI foram se solidificando e as apurações foram sendo cada vez mais precisas. De um modo geral, pode-se afirmar que a CEI foi muito técnica, profissional e nada foi analisado sob o enfoque politico, mas sim, sob o enfoque da busca da verdade.

Gazeta: O que será feito com o relatório final? Ele será encaminhado para onde?
Alex Mineli: Várias providências foram apontadas em razão da investigação, dentre elas: o envio de cópia do relatório ao Ministério Público, para que promova a responsabilidade civil ou criminal dos infratores, ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) de São Paulo, para as necessárias verificações e ao Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA-SP).
Foi solicitado, ainda, que fosse disponibilizado todo procedimento da CEI a todo e qualquer cidadão que se interessar em tomar conhecimento de seu conteúdo, por qualquer que seja o motivo.

Gazeta: O que deverá acontecer agora com relação a este caso?
Alex Mineli: A natureza da CEI é averiguar fatos e apontar providências. De acordo com o que foi apurado, foram apontadas as providências para o caso. Não existem dúvidas de que os trabalhos desenvolvidos pela CEI poderão servir de base para eventual instauração de Comissão Processante que analisará e julgará as infrações apontadas, podendo culminar, em uma eventual cassação de mandato do prefeito municipal. Como mencionado acima, o trabalho realizado pela CEI está à disposição de todo e qualquer cidadão interessado.

Gazeta: Como o senhor avalia todo o trabalho e os resultados obtidos?
Alex Mineli: A CEI buscou se pautar pela máxima legalidade de seus atos. Prova disso é que todo procedimento ocorreu sem maiores imprevistos tanto que o chefe do Executivo não intentou qualquer medida judicial relativo ao desenvolvimento dos trabalhos da Comissão. A imparcialidade dos membros da Comissão e a estrita busca da verdade dos fatos foram fatores determinantes para a boa desenvoltura dos trabalhos.  
O Brasil vive uma época muito positiva na politica no sentido de transparência, apurações, ou seja, pode-se dizer que “o Brasil está sendo passado a limpo”. Exemplos como a prisão de um senador em pleno exercício do mandato e a aproximação de investigações até os “presidenciáveis” coloca o Brasil em foco, trazendo aos Brasileiros uma esperança de dias melhores. É muito gratificante poder dizer que colaboramos com este cenário, apuramos o que tinha que ser apurado, investigamos o que deveria ser investigado, tudo dentro da legalidade, observando e conservando os direitos garantidos constitucionalmente e podendo proporcionar aos vargengrandenses as respostas pelas quais buscavam.  

 

 

Faça seu comentário

Utilize o formulário abaixo para realizar o seu comentário



Ainda não sou cadastrado